Home / Notícias Corporativas / Competição de Arbitragem e Mediação movimenta profissionais do setor jurídico

Competição de Arbitragem e Mediação movimenta profissionais do setor jurídico

A solução adequada e a gestão estratégica de conflitos são pautas crescentes no ambiente corporativo, que busca meios eficientes para lidar com as suas demandas. Nesse cenário, a XIII Competição Brasileira de Arbitragem e Mediação Empresarial CAMARB, proporciona aos estudantes de Direito uma formação original e uma experiência diferenciada para a sua futura atuação profissional.

A Competição simula procedimentos de arbitragem e mediação baseados em um caso fictício, que é objeto de debate entre os alunos, atuando como advogados, mediadores e negociadores de cada equipe e são avaliados por profissionais de destaque no mercado. O caso da XIII Competição, de acordo o Pedro Soares, advogado e Vice-presidente da CAMARB Jovem e Tecnologia, aborda um conflito entre empresas do agronegócio, setor no qual obtém espaço relevante na economia brasileira e, por consequência, há algumas probabilidades em passar por divergências comerciais. O caso também é pioneiro ao colocar em debate o tema da prescrição em matéria arbitral e de mediação, que ainda não havia sido discutido e que, cada vez mais, é discutido nos procedimentos arbitrais e de mediação reais. 

Neste ano, a competição ocorrerá em formato híbrido, tendo sua primeira fase online, entre os dias 21 e 23 de setembro, e a segunda fase presencial, em São Paulo, nos dias 21 e 22 de outubro. Segundo, Suzana Cremasco, advogada de arbitragem, professora universitária e Vice-presidente de Comunicação e Ouvidoria da CAMARB, “a Competição da CAMARB é pioneira no Brasil e, desde a sua primeira, foi o ambiente de formação de uma série de jovens profissionais de destaque em mediação e arbitragem no país. Participar desse evento proporciona um diferencial no currículo desses estudantes, desenvolve ferramentas importantes, fomenta o network e, não raro, leva a sua contratação pelos escritórios especializados na área. Estamos muito animados com a programação e ansiosos pelas defesas e debates acerca do caso deste ano.”

Buscando uma alternativa ao ensino tradicional do Direito, a CAMARB propõe um protagonismo aos próprios alunos no processo de aprendizado, na medida em que casos jurídicos de alta complexidade, como aqueles da competição, podem dar a estudantes a oportunidade de desenvolver habilidades essenciais para o pensamento crítico e analítico, bem como pode prontificá-los a executar atividades com maior segurança no mercado, além de permitir que eles enfrentem questões jurídicas relevantes, em um ambiente que gera intensa troca de experiências profissionais, aprendizado técnico e fortalecimento de relações.

Para mais informações, basta acessar: https://linktr.ee/competicaocamarb

About DINO

Check Also

Joe Kiani, fundador e CEO da Masimo, falará sobre IA na Cúpula Global de Segurança do Paciente no Chile

A Masimo (NASDAQ: MASI) anunciou hoje que seu fundador e CEO, Joe Kiani, será um …