Home / Notícias Corporativas / Mercado de eventos volta a crescer e gerar empregos

Mercado de eventos volta a crescer e gerar empregos

O setor de eventos de cultura e entretenimento, um dos mais afetados pela pandemia nos últimos dois anos, voltou a crescer em 2022. Segundo a Associação Brasileira de Promotores de Eventos (Abrape), nos anos de 2020 e 2021, o setor sofreu um prejuízo de R$ 230 bilhões, com 97% das empresas do segmento impactadas e mais de 350 mil festivais e eventos culturais cancelados. Contudo, no ano passado, o setor alcançou um crescimento de 400%, comparado a 2020, responsável por 4,32% do PIB nacional.

No levantamento, a associação afirmou também que, no ano passado, o setor gerou R$ 4,65 bilhões em impostos federais, R$ 75,4 bilhões em consumo e R$ 2,97 bilhões em massa salarial.

Segundo a Abrape, dos mais de 2 milhões de empregos gerados no Brasil entre janeiro e setembro do ano passado, quase 230 mil estavam no hub setorial, ou seja, indiretamente ligados ao setor de eventos, e 14.262 especificamente nesta área, o que representa um crescimento de 10,7% e 0,7%, respectivamente.

A maior parte dos profissionais de eventos concentra-se no hub setorial, cerca de 6,2 milhões de pessoas em 52 áreas diferentes, de empresas de equipamentos e estruturas para eventos, a serviços de audiovisual e catering, chegando a cadeias produtivas como transporte aéreo, locação de veículos e hospedagem.

Especializado na cobertura de eventos, o fotógrafo Marcelo JS, da Multimage Audivisual, comenta a retomada do setor: “Depois de quase dois anos de restrições, existe uma demanda reprimida não apenas de pessoas querendo comparecer a eventos culturais, festas e casamentos, mas também de empresas que deixaram de mandar seus executivos para feiras e congressos, no Brasil e no exterior”, aponta. “A retomada foi tão forte que muitos profissionais de audiovisual já estão com a agenda lotada em 2023”, diz ele, que faz parte do grupo contratado pelo setor.

Segundo o portal Feiras do Brasil, em 2022, o calendário nacional de eventos de negócios teve um aumento de 160% em relação ao ano anterior. Para 2023, a organização espera a realização de mais de 4 mil feiras e congressos em todo o país.

About DINO

Check Also

STF amplia licença-maternidade para trabalhadoras autônomas

Uma nova decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) ampliou, por seis votos a cinco, o …