Home / Notícias Corporativas / Produtores culturais podem fazer mentoria gratuita com especialistas em editais

Produtores culturais podem fazer mentoria gratuita com especialistas em editais

Devido ao sucesso e grande procura, a APTI (Associação dos Produtores Teatrais Independentes) abre novas turmas para o programa de mentoria gratuita para produtores teatrais de todo o Brasil com o intuito de fortalecer o setor. 

Os produtores teatrais interessados em obter uma consultoria gratuita deverão inscrever seus projetos pelo site https://www.apti.org.br/.

As orientações serão de formação práticas e focadas nas particularidades de cada proposta, e os consultores são membros da APTI e profissionais de referência no mercado em cada uma das áreas abordadas.  

Após as inscrições, será feita uma triagem dos projetos e os produtores selecionados poderão agendar consultorias de até duas horas em cinco linhas de interesse:

  • Inscrição de projetos em Editais;
  • Inscrição de projetos em Leis de incentivo;
  • Apresentando um projeto para o mercado / Captação;
  • Divulgação e formação de público;
  • Execução administrativa e prestação de contas.

De acordo com a associação, a demanda por essa estruturação se tornou mais latente após a implementação da Lei Aldir Blanc, quando produtores, artistas e agentes culturais sentiram necessidade de profissionalizar seus projetos para concorrer a editais, leis e demais ações de incentivo à cultura. 

A APTI também identificou a necessidade de apoio aos produtores na etapa de prestação de contas. Segundo a entidade, muitos agentes foram premiados ao longo dos últimos anos, mas não souberam finalizar seus projetos na hora da prestação de contas.  

Em atividade desde 2008, a APTI é uma associação sem fins lucrativos ou econômicos e apartidária, que tem a finalidade de promover a representação dos produtores de espetáculos teatrais perante órgãos públicos e privados. Seu objetivo é garantir, divulgar e incentivar o exercício da produção teatral no país.

Durante a pandemia da Covid-19, o Fundo Marlene Colé, criado pela APTI, promoveu ações para arrecadar fundos para ajudar os profissionais das artes cênicas que estavam parados durante o isolamento social. Agora, a APTI volta suas ações para formação, pesquisa e valorização da produção teatral, e do produtor independente. O Fundo Marlene Colé realizou mostras on-line, palestras e ações de auxílio que permitiram distribuir 970 cartões de Vale Refeição e mais de 6,4 mil cestas básicas, beneficiando 7.380 famílias.

Além do programa de mentoria, a APTI prepara uma pesquisa sobre o setor cultural e a criação de um prêmio para produtores de teatro de todo o Brasil, que serão divulgados em breve.

About DINO

Check Also

Xsolla lança solução backend premiada com a adição de suporte para jogo multiplataforma

A Xsolla, uma empresa global de comércio de videogames, anuncia o lançamento do Xsolla Backend, …